quinta-feira, 24 de março de 2016

A missão do "Bessias"

As gravações reveladas pelo juiz Sergio Moro no dia 16/3/2016 mostraram a atuação subterrânea de Lula, Dilma e sua turma. Num das conversas, Dilma avisa a Lula que lhe enviaria imediatamente o "Bessias" (na verdade, Jorge Messias, subchefe de assuntos jurídicos da Casa Civil) com o "termo de posse", para ser usado "em caso de necessidade". A divulgação do áudio provocou manifestações em cidades como São Paulo, Brasília e Salvador.
Por que se suspeita de alguma coisa errada no envio do termo de posse?
(a) Porque Lula seria empossado somente no dia 22/3, conforme divulgação, via Twitter, do próprio Rui Falcão, presidente do PT;
(b) Porque Lula já estava se dirigindo ao aeroporto de Brasília;
(c) Porque termo de posse é, em regra, assinado na solenidade de posse;
(d) Porque houve pressa na nomeação de Lula, publicada em edição extraordinária do D.O.U.;
(e) Porque, sendo investigado na Lava Jato e sem foro privilegiado, Lula poderia cair nas mãos do juiz Sergio Moro, o qual tinha em sua mesa pedido de prisão feito pelo Ministério Público paulista, já que o processo relacionado ao apartamento do Guarujá tinha sido encaminhado àquele juiz federal;
(f) Porque a nomeação de Jaques Wagner como chefe de gabinete da presidência com status de ministro - o que é absurdo - corrobora a tese de obstrução da Justiça (fuga de foro), já que Wagner, também investigado, perderia o foro privilegiado ao deixar a Casa Civil para ser sucedido por Lula;
(g) Porque, em conversas gravadas com autorização judicial, Lula é aconselhado a se tornar ministro para ganhar foro privilegiado (orientação do cientista político Alberto Carlos de Almeida); há menção à ideia de Lula se entregar como "preso político" (sugestão do senador petista Jorge Viana); e o ministro Jaques Wagner é acionado pelo presidente do PT, Rui Falcão, para ver como aquele ministro poderia ajudar quanto à iminente prisão de Lula.
Por outro lado, o fato de o termo de posse não ter timbre com o brasão da República parece não dizer muito, pois vídeo da posse de ministros para este mandato, ocorrida em 1 de janeiro de 2016, mostra termos de posse semelhantes ao enviado pelo "Bessias", sem timbre. Além disso, é estranho o termo ter sido encaminhado sem a assinatura da presidente (pode ser, é claro, que esse tenha sido apenas o documento apresentado para reforço de argumento defensivo, mas não temos como descobrir o que de fato aconteceu).
Estamos diante, não há dúvida, de um escândalo absurdamente elevado, o que poderia levar, sozinho, ao impeachment de Dilma Rousseff.


quinta-feira, 17 de março de 2016

A REPÚBLICA PETISTA DESMASCARADA

Depois da divulgação dos tenebrosos áudios do petismo, começou uma operação para desacreditar o juiz Sergio Moro e a Lava Jato, o que se dá na imprensa, nas redes sociais, nos blogs sujos, na intelectualidade militante, nos ditos "movimentos sociais" e na classe política.
Agora que Lula e Dilma foram DESMASCARADOS, você não tem razões para achar que eles dizem a verdade. Confira:
(1) Sabemos que os militantes petistas que foram para a casa de Lula estavam ali para bater em "coxinhas". Lula disse isso expressamente.
(2) Sabemos que a CUT trabalha como força auxiliar do PT. Vagner Freitas, presidente cutista, conversou com Lula nesse sentido.
(3) Sabemos que o discurso feminista de Jandira Feghali, Maria do Rosário e Fátima Bezerra serve aos desejos e interesses de Lula. Ele disse isso.
(4) Sabemos que Lula despreza o STF, o STJ, a Câmara, o Senado, o MPF e os juízes de primeira instância.
(5) Sabemos que Eduardo Paes é um "soldado" de Lula (ele também acha que Maricá é uma 'm*').
(6) Sabemos que o cientista político Alberto Carlos de Almeida cria suas teorias e análises políticas a partir dos desejos e interesses do petismo, e que dele partiram ideias sobre Lula se tornar ministro para fugir de Moro - um detalhe interessante e muito rico é quando ele põe a antropologia do direito a serviço da iniquidade.
(7) Sabemos que Jaques Wagner (agora Ex-Ministro-Chefe da Casa Covil), Aloizio Mercadante (Sinistro da Educação) e Rui Falcão (Presidente do PT) trabalham para atrapalhar a Lava Jato.
(8) Sabemos que certos intelectuais da Faculdade de Direito do Largo do São Francisco emprestam seu suposto brilho para proteger um projeto macabro, com suas manifestações que se dizem em favor da democracia, mas só ajudam a confundir a opinião pública.
(9) Sabemos que Eugênio Aragão, Subprocurador-Geral da República, foi instalado no Ministério da Justiça por ser considerado "nosso amigo" [amigo deles].
(10) Sabemos que Lula esperava gratidão de Rodrigo Janot, Procurador-Geral da República, assim como ansiava por providências amistosas da parte de Rosa Weber e Ricardo Lewandowki.
(11) Sabemos que os blogs sujos se alimentam de informações falsas, determinadas pela cabeça de Lula e de seus asseclas.
(12) Sabemos que o senador Lindbergh Farias (ex-cara pintada e atual cara lisa) obedece servilmente a Lula para atacar quem o critica.
(13) Sabemos que as redes sociais estão cheias de pessoas iludidas por essa trama petista, que saem por aí divulgando e compartilhando todo esse arsenal de mentiras, às vezes de boa-fé, sinceramente enganadas.
(14) Sabemos que Eduardo Cunha, celeremente denunciado por Janot, foi erigido à categoria de inimigo público nº 1 da esquerda, embora não tivesse nem de longe semelhante poder de Lula sobre a República, sendo este o chefe da turma. Registre-se: Cunha deve ser investigado e processado, quiçá condenado, mas foi tomado por vilão, pelo petismo, numa tentativa de desacreditar a luta pelo impeachment, numa batalha diversionista.
(15) Sabemos que alguns jornalistas da grande imprensa transmitem essas mentiras como se verdades fossem, enganando imensa parcela da sociedade.
(16) Sabemos, por fim, como surgem essas teses petistas sobre grampo ilegal, incompetência do juiz, vazamento de decisões judiciais.

PORTANTO, NÃO HÁ MAIS DESCULPA. O GOVERNO ACABOU. QUEM TEM DIGNIDADE ABANDONA ESSE BARCO O QUANTO ANTES. AS ÁGUAS DO DILÚVIO ESTÃO CAINDO, E A PORTA DA HISTÓRIA VAI SE FECHAR.

Fale comigo!

Gostaria de estabelecer contato com você. Talvez pensemos a respeito dos mesmos assuntos, e o diálogo é sempre bem-vindo e mais que necessário. Meu e-mail é alexesteves.rocha@gmail.com. Você poderá fazer sugestões de artigos, dar idéias para o formato do blog, tecer alguma crítica ou questionamento. Fique à vontade. Embora o blog seja uma coisa pessoal por natureza, gostaria de usar este espaço para conhecer um pouco de quem está do outro lado. Um abraço.

Para pensar:

Um dos terríveis problemas da Igreja evangélica brasileira é a falta de conhecimento da Bíblia como um sistema coerente de princípios, promessas e relatos que apontam para Cristo como Criador, Sustentador e Salvador. Em vez disso, prega-se um "jesus" diminuído, porque criado à imagem de seus idealizadores, e que faz uso de textos bíblicos isolados, como se fossem amuletos, peças mágicas a serem usadas ao bel-talante do indivíduo.

Arquivo do blog

Bases de Fé

Creio:
Em um só Deus e na Trindade.
Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o caráter cristão.
Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal e sua ascensão aos céus.
Na pecaminosidade do homem, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode salvá-lo.
Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus.
No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor.
No batismo bíblico em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo.
Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus, através do poder do Espírito Santo.
No batismo bíblico no Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo.
Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a sua soberana vontade.
Na Segunda Vinda de Cristo.
Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo.
No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis.
E na vida eterna para os fiéis e morte eterna para os infiéis.