sábado, 16 de outubro de 2010

O petismo cibernético me assusta

Leio a Folha.com e sempre vejo um turbilhão de comentários de petistas. Eles atacam José Serra e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso como se eles fossem inimigos do Brasil. E defendem Lula e Dilma Rousseff de maneira incondicional. Fico pensando: o que esse pessoal ganha com isso? Quais os interesses que os movem?
É impressionante como os militantes do PT são carregados de informações distorcidas e se alimentam rapidamente de supostos argumentos contra adversários. Hoje saiu uma reportagem de Mônica Bergamo na Folha de S. Paulo apoiada unicamente na fala de ex-alunas da esposa de Serra, segundo as quais a sra. Mônica Serra teria feito aborto. Com base apenas na declaração dessas pessoas, o jornal publicou a notícia, mesmo sem conseguir falar com a esposa do candidato. Mas, e daí? Já se tem munição para a militância, como acabo de ver em mais um comentário na Folha.com.
Devo admitir que o PT sabe mobilizar sua militância, e assim eles enchem a internet de acusações quanto a privatizações, pedágio, progressão continuada, além de defesas do governo e do passado de Dilma Rousseff. Trabalham em duas frentes: reproduzir em massa "explicações" para os inúmeros escândalos do governo Lula e atribuir todos os males do Brasil ao PSDB e ao DEM.
Esse pessoal me assusta. Agem eles com um pensamento maniqueísta, reducionista e maquiavélico: é o "nós contra eles", o simplismo de achar que Lula inventou o Brasil e a tese de que vale tudo em nome de uma "justiça social".
Esses mesmos petistas cibernéticos vivem dizendo que a Folha é tucana, reacionária, elitista, e que faz parte do chamado "PiG - Partido da Imprensa Golpista". A partir disso, jornais como a Folha ficam com medo de não parecer plurais e fazem reportagens contra Serra e a favor de Dilma.
Por exemplo, depois que os petistas criticaram a postura da Folha por aprofundar a denúncia de malfeitos do governo, o jornal logo publicou uma reportagem segundo a qual propostas de Serra para a Saúde não teriam sido bem-sucedidas no governo paulista. Também fez uma reportagem para afirmar sua postura crítica a governos anteriores. Por que ter tanto receio do PT?
Existe uma ânsia dos petistas por pautar a imprensa. Eles inventaram que a polêmica do aborto produziu o declínio de Dilma nas pesquisas, e lá foram os jornais tratar do assunto. Colunistas da Folha vivem agora dizendo que aborto não é tema eleitoral, que Deus deve sair da campanha, que o Estado é laico, que tudo isso é obscurantismo medieval etc. E assim o discurso falso do PT ganha ares de verdade.
A internet é um território livre, e muita coisa boa se faz por meio dela - este blog não seria viável sem o caráter democrático da web. Todavia, esse pessoal precisa ser responsabilizado pelo que diz, seja na esfera penal, seja na esfera civil. Ninguém pode sair espalhando inverdades e ficar por isso mesmo.

Um comentário:

www.gloriosojesusblogger disse...

Interessante post Alex. Seria puro, se todos fizessem algo parecido como isto.Paz!

Fale comigo!

Gostaria de estabelecer contato com você. Talvez pensemos a respeito dos mesmos assuntos, e o diálogo é sempre bem-vindo e mais que necessário. Meu e-mail é alexesteves.rocha@gmail.com. Você poderá fazer sugestões de artigos, dar idéias para o formato do blog, tecer alguma crítica ou questionamento. Fique à vontade. Embora o blog seja uma coisa pessoal por natureza, gostaria de usar este espaço para conhecer um pouco de quem está do outro lado. Um abraço.

Para pensar:

Um dos terríveis problemas da Igreja evangélica brasileira é a falta de conhecimento da Bíblia como um sistema coerente de princípios, promessas e relatos que apontam para Cristo como Criador, Sustentador e Salvador. Em vez disso, prega-se um "jesus" diminuído, porque criado à imagem de seus idealizadores, e que faz uso de textos bíblicos isolados, como se fossem amuletos, peças mágicas a serem usadas ao bel-talante do indivíduo.

Arquivo do blog

Bases de Fé

Creio:
Em um só Deus e na Trindade.
Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o caráter cristão.
Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal e sua ascensão aos céus.
Na pecaminosidade do homem, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode salvá-lo.
Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus.
No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor.
No batismo bíblico em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo.
Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus, através do poder do Espírito Santo.
No batismo bíblico no Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo.
Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a sua soberana vontade.
Na Segunda Vinda de Cristo.
Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo.
No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis.
E na vida eterna para os fiéis e morte eterna para os infiéis.