domingo, 28 de março de 2010

E disseram Macedo e Soares: "Haja Valdemiro". E houve.

A revista Época traz uma reportagem sobre o "império" formado pelo "apóstolo" Valdemiro Santiago e sua Igreja Mundial do Poder de Deus. O título é sugestivo: "Milagres e milhões". Em suma, traça-se um perfil do líder da igreja, além da narrativa sobre seus bens mais vistosos, suas ligações políticas, seu avanço sobre a mídia e os problemas policiais e administrativos em que a igreja se envolveu.
Uma coisa que eu não sabia era que, à semelhança de três pastores da Mundial um dia desses, em Mato Grosso do Sul, o próprio Valdemiro já foi pego com armas em seu carro, no ano de 2003. Disse que era caçador, segundo a revista. Mas deixemos isso de lado...
Pensemos sobre o homem e seu estilo: alto, negro, rouco, simples, falador, carismático, apreciador de um chapéu de abas largas. Um homem que prega a cura extraordinária, com a proposta de voltar aos tempos de Jesus, à Igreja Primitiva. Faz-se um claro combate à Universal, de onde Valdemiro é dissidente desde 1998.
Notemos a proximidade entre os nomes de três igrejas que, de certo modo, são geneticamente relacionadas: Igreja Universal do Reino de Deus; Igreja Internacional da Graça de Deus; Igreja Mundial do Poder de Deus. Todas as três pretendem ser grandes: universal, internacional, mundial. Todas as três têm em seu nome a palavra "Deus". Todas as três enfatizam algum aspecto religioso: Reino, Graça, Poder...As semelhanças não são casuais. Elas vêm do mesmo bojo, da mesma cepa. São frutos da mesma árvore.
Acontece que Edir Macedo, da Universal, e R. R. Soares, da Internacional da Graça de Deus, são mais polidos. Edir Macedo, com aquele estilo de palestrante motivacional e mega-empresário das comunicações, faz seguidores desde 1977 com sua voz rouca e sotaque carioca, que todos os bispos e pastores da igreja imitam - até mesmo o defeito que o bispo tem na mão direita eles querem imitar! O Romildo Ribeiro Soares (esse é o nome dele) parece o Sílvio Santos evangélico, como alguém já observou, com sua fala mansa, seu jeito de professor e sua risadinha de gente boa. Mas Valdemiro é original...
Vejam bem: tanto Edir Macedo quanto seu cunhado Romildo Ribeiro Soares são os líderes que aparecem na televisão nacional e se colocam como referência para seus grupos. Todavia, sob sua proteção e incentivo existem as coisas mais curiosas que se possa imaginar: a "rosa do puxamento espiritual", o "shopping do céu", a "fogueira santa de Israel", o sal grosso, a "cruz com água sacrossanta e fluidificada", a "estola sacerdotal", a garrafa onde o "cramulhão" vai entrar, a "toalha de fogo". São tantas coisas que eu poderia fazer uma imensa lista.
Já escrevi aqui um artigo sobre isso, com o título Lembra do Super-homem e do Bizarro? Eles estão na Igreja evangélica brasileira. É isso. Os mocinhos posam de politicamente corretos - ainda que sem deixarem ocultas as muitas heresias. Nos bastidores, militam tenazmente os seus soldados.
Agora, porém, não é assim. Com Valdemiro, pelo menos tudo é mais sincero: ele mesmo aparece, ele mesmo, criatura formada por Macedo e Soares, sai de sua simplicidade de bastidor e ganha os holofotes, ganha as ruas, ganha o país, ganha canais de TV e rádio, ganha o mundo. Se Macedo e Soares queriam se aproveitar da liderança de pessoas como Valdemiro, deveriam atentar para o fato de que, um dia, esses homens iriam sair dos fundos da casa para se mostrar a todos, com seu jeito natural, com os fetichismos mais criativos.
Fico sabendo, ainda pela reportagem de Época, que Valdemiro deixa que seu suor seja dado aos "fiéis", que esfregam uma toalha com o suor do "apóstolo" em documentos e fotos. Além do detalhe sudoríparo e nada higiênico, estamos voltando - eu não, eles - ao medievalismo, em que todo objeto da Terra Santa era vendido para abençoar pessoas. Criticamos os católicos, mas somos seus iguais (essa é a tese do Rev. Augustus Nicodemus Lopes, em seu texto "A alma católica dos evangélicos no Brasil", no livro "O que estão fazendo com a Igreja"?).
O crescimento da igreja de Valdemiro é absurdo mesmo. Quer dizer que até 2012 eles podem ultrapassar a Universal? Que coisa!
O Brasil tem dessas. Da mistura de um milionário palestrante motivacional a um excelente comunicador de programa de auditório, sai um peão da fé, um populista do milagre, um representante das massas.
Nem vou me referir aqui ao "trízimo" (!) de Valdemiro, nem à sua autoproclamação apostólica. Referi-me à "teologia do suor", já está bom. Fiquemos ao menos com esse pensamento: Valdemiro foi apenas o primeiro. Macedo, Soares, fiquem espertos: foram vocês!

Onde encontrar o texto a que me refiro:

9 comentários:

Pr. Gualter Guedes disse...

Meu amigo alex, através do blog do ciro eu conheci o seu e peço permissão para poder segui-lo.

Convido o irmão para conhecer o nosso blog.

Um abraço

Pr. Gualter

Cêça Santos disse...

Parabéns pelo belo trabalho apresentado aqui no blog. Já estou seguindo!

Aproveito pra lhe convidar a conhecer meu blog, e se desejar também segui-lo, será uma honra. Seus comentários também serão sempre bem-vindos

http://ccrislayne.blogspot.com/

Te espero lá!

Alex Esteves da Rocha Sousa disse...

Pr. Gualter,

É com prazer que o recebemos neste espaço. Fique à vontade para comentar sempre que quiser.
Visitarei o blog do irmão agora.
Em Cristo,
Alex.

Alex Esteves da Rocha Sousa disse...

Ceça Santos,

Obrigado pelo incentivo.
Visitarei seu blog.
Alex.

Anônimo disse...

Que tal uma materia comparando as reliquias catolicas com as reliquias evangelicas ?

Anônimo disse...

Bela materia, li recentemente o livro do Paulo Romeiro, suor carisma e controversia
onde ele faz uma critica a mundial
Infelizmente nao podemos mais dizer que somos evangelicos pois vamos ser confundidos com essa turma ai da idolatria e amantes das antigas RELIQUIAS catolicas
Hoje me intitulo protestante quando me perguntam se sou evangelico

João Armando disse...

Há horas em que dá revolta, noutras dá vontade de rir... hoje fiquei triste. Triste ao pensar na idolatria, na cegueira espiritual. Ao pensar no horror que será no Dia do Juízo quando tantos ouvirão as mais terríveis palavras "nunca vos conheci... apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno preparado para o diabo e seus anjos" - sem volta, o terror eterno sem qualquer esperança. Os idólatras não herdarão o reino. Que Deus tenha misericórdia dessa gente, cujo deus é o dinheiro, cuja esperança está neste mundo, que se ilude a si mesmo e a outros. Cegos guias de cegos. E como é grande a seara! Todos esses pobres seguidores dessa gente se perdendo, achando-se "crentes" mas sem ter um sequer pequeno vislumbre do verdadeiro evangelho, das boas novas, sem ter a menor ideia sobre justificação, arrependimento, sobre a obra vicária de Cristo na cruz, continuando a carregar sobre si seus pecados, perdidos. Que Deus tenha misericórdia de nós, que possamos ser usados como instrumentos para alcançar essa gente enquanto é tempo, enquanto o Noivo não volta.

João Armando disse...

Em tempo - fico feliz em ver que mais e mais pessoas estão seguindo o blog. A sementeira foi longa, a colheita demorou, mas chegou. Continue fiel a proclamar a verdade. Deus é fiel.

Alex Esteves da Rocha Sousa disse...

João,

Obrigado. Você é parte da história de dois anos deste blog.
Um abraço.

Alex.

Fale comigo!

Gostaria de estabelecer contato com você. Talvez pensemos a respeito dos mesmos assuntos, e o diálogo é sempre bem-vindo e mais que necessário. Meu e-mail é alexesteves.rocha@gmail.com. Você poderá fazer sugestões de artigos, dar idéias para o formato do blog, tecer alguma crítica ou questionamento. Fique à vontade. Embora o blog seja uma coisa pessoal por natureza, gostaria de usar este espaço para conhecer um pouco de quem está do outro lado. Um abraço.

Para pensar:

Um dos terríveis problemas da Igreja evangélica brasileira é a falta de conhecimento da Bíblia como um sistema coerente de princípios, promessas e relatos que apontam para Cristo como Criador, Sustentador e Salvador. Em vez disso, prega-se um "jesus" diminuído, porque criado à imagem de seus idealizadores, e que faz uso de textos bíblicos isolados, como se fossem amuletos, peças mágicas a serem usadas ao bel-talante do indivíduo.

Arquivo do blog

Bases de Fé

Creio:
Em um só Deus e na Trindade.
Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o caráter cristão.
Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal e sua ascensão aos céus.
Na pecaminosidade do homem, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode salvá-lo.
Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus.
No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor.
No batismo bíblico em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo.
Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus, através do poder do Espírito Santo.
No batismo bíblico no Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo.
Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a sua soberana vontade.
Na Segunda Vinda de Cristo.
Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo.
No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis.
E na vida eterna para os fiéis e morte eterna para os infiéis.